Aposentadoria por invalidez: como funciona?

Hoje abro espaço para um guest post informativo do Valter Liberato, do site Empregador Web! Boa leitura!

cheerful elderly man listening to music in headphones
Foto por Andrea Piacquadio em Pexels.com

A reforma da previdência feita em 2019, mudou algumas coisas na requisição da aposentadoria por invalidez. É preciso estar atento as mudanças, afinal, nunca se sabe quando será preciso usufruir desse tipo de benefício previdenciário.

Antes de tudo é importante dizer o que é a aposentadoria por invalidez, já que muitas pessoas confundem isso com o auxílio doença. 

A aposentadoria por invalidez, nada mais é que uma aposentadoria que é dada para pessoas que não podem continuar trabalhando por motivos que não sejam doença, ou seja, se a pessoa quebrou uma perna, se a pessoa perdeu um braço, se não pode mais andar, enfim as categorias de pessoas que podem se enquadrar como pessoa que tem direito a esse benefício é muito longa, mas basicamente, podemos resumir que pessoas que tem direito à aposentadoria por invalidez são pessoas que não podem continuar trabalhando por motivos físicos.

As regras para a aposentadoria por invalidez são bem simples e apesar de não haver  mudanças numerosas devido à reforma da previdência, essas alterações podem impactar em algumas pessoas mais a frente.  Mas antes disso, vamos começar falando das regras para se conseguir a aposentadoria por invalidez que não mudaram.

Regras para a aposentadoria por invalidez

Para ter direito a esse tipo de aposentadoria o trabalhador tem que ter no mínimo 1 ano de trabalho registrado em CLT, ou seja, um ano de contribuição com o INSS, e também estar em qualidade de segurado durante o período de incapacidade.

Exemplificando a situação acima com números: se você trabalhou por 6 anos, você tem 5 anos de segurado, logo, você terá direito a pedir os benefícios da previdência por 5 anos, que é o período depois da carência.

Todo trabalhador que pedir a aposentadoria por invalidez deverá passar por perícia médica antes de receber o benefício, para que se tenha certeza que ele necessita realmente desse benefício Além disso, nem todo tipo de problema físico pode ser considerado como invalidez, ou seja, você pode ter a aposentadoria negada, caso possa exercer seu serviço normalmente, mesmo com um problema físico.

Além de passar pela perícia médica inicial, o trabalhador também terá que fazer mais uma nova perícia médica a cada dois anos,  para que se tenha certeza que o trabalhador não tem mesmo condição de trabalhar.

Mudança na regra 

A única mudança na regra vai de encontro ao que falamos sobre a qualidade de segurado, já que na regra anterior o segurado que parasse de trabalhar como registrado, poderia ter qualidade de segurado de novo após 6 meses de trabalho formal. A mudança, nesse caso, é que a qualidade de segurado agora deve ser superior a um ano.

A requisição da aposentadoria por invalidez também pode ser iniciada pelo site e pelo aplicativo do Meu INSS.

Em todo caso, tente sempre investir dinheiro por conta própria, para não depender apenas desse tipo de auxílio para manter o seu padrão de vida.

Sugestão de leitura

A partir desta semana, sempre que eu publicar um texto por aqui, vou sugerir um livro ao final dele, que tenha relação com o tema.

A indicação desta semana é o livro Adeus, Aposentadoria, do Gustavo Cerbasi.

adeus, aposentadoria

Até semana que vem, com mais um artigo!

cropped-porco-avatar1

Gosta de ler? Assine o Kindle Unlimited e tenha acesso à milhões de livros por apenas
R$ 1,99 nos três primeiros meses! Ou assine o Amazon Prime e tenha acesso ao Prime Reading, onde pode alugar até 10 livros, revistas ou periódicos simultaneamente!

cropped-porco-avatar1

Para aprender mais sobre imóveis, compre meu livro:

Tijolos – Tudo o que você precisa saber antes de alugar, comprar, vender ou financiar um imóvel

cropped-porco-avatar1

Aprenda sobre educação financeira de forma rápida, clara e objetiva com meu segundo livro:

As três lições: Um pequeno livro sobre educação financeira

2 comentários em “Aposentadoria por invalidez: como funciona?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.