O melhor livro sobre liderança já escrito

pexels-photo-4338092.jpeg
Foto por Nick Bondarev em Pexels.com

Saudações!

Se você procurar por livros com a palavra “liderança”, na Amazon, vai obter alguns milhares de resultados. Se procurar em inglês, fica ainda pior: devem existir milhões de livros falando sobre leadership.

Liderança é um assunto que rende longas discussões e debates, bem como uma infinidade de livros, artigos, podcasts, vídeos. E talvez nunca cheguem a um ideal definitivo de liderança.

Mas entre tantos livros escritos, e entre os que tive oportunidade de ler, um deles se destaca muito. Não, não estou falando do livro do Dale Carnegie. Estou falando de outro livro, que, originalmente, nem é sobre liderança, mas sim sobre uma expedição científica. Estou falando do livro escrito por Alfred Lansing, A Incrível Viagem de Shackleton.

Para quem nunca ouviu falar de Sir Ernest Shackleton, ele foi um aventureiro e explorador britânico, e a historia contada nessa obra em especial narra sua aventura na Antártida. O plano original era navegar até o continente gelado, aportar no Mar de Weddell e atravessar o pólo sul por terra, até chegar ao outro lado. Ele e sua equipe seriam os primeiros a fazerem isso.

Infelizmente, deu tudo errado. Ainda bem, se não este livro não teria sido escrito.

Antes de chegar ao ponto previsto de desembarque no Mar de Weddell, o Endurance, o navio que era capitaneado por Shackleton, ficou preso no gelo. Ficaram estacionados ali por um bom tempo, esperando o gelo se abrir para continuarem na expedição. Mas o gelo nunca abriu, pelo contrário. O Endurance acabou esmagado pelas placas de gelo, obrigando os tripulantes a abandonarem o navio. Aí começa a verdadeira aventura.

Não vou contar tudo para não dar spoiler, mas no final das contas, quase um ano e meio depois do início da expedição, todos foram resgatados com vida na Antártida, graças a coragem de Shackleton e seus homens, que lutaram contra a força brutal da natureza para continuarem vivos.

Enquanto lia, ficava tentando me colocar no lugar desses marinheiros e, caramba, acho que eu não duraria um dia nas situações que eles enfrentaram. É o tipo de coisa que dificilmente veremos acontecer de novo.

Abaixo, alguns trechos do livro:

Mais que qualquer outra impressão isolada nessas horas finais, o que chocou a todos, deixando-os quase horrorizados, foi a maneira como o navio se comportava, lembrando um animal gigantesco nos estertores da morte.

A impressão era de que um torno gigantesco aprisionara o navio e o apertava aos poucos, até que ele não resistisse mais à pressão.

Para a liderança científica, o melhor é Scott; para viajar depressa e com eficiência, Amundsen; mas quando você está numa situação perdida, quando parece que não há mais saída, ponha-se de joelhos e peça a Deus que seu chefe seja Shackleton.

Estavam finalmente a caminho, realmente a caminho, e Shackleton sentiu um imenso alívio. Os longos anos de preparação haviam finalmente ficado para trás… os pedidos de dinheiro, a hipocrisia, as vigarices, nada mais daquilo era necessário. O simples ato de zarpar o levara para longe do mundo de reversões de expectativas, frustrações e inanidades. No intervalo de algumas horas, a vida fora transformada, e uma existência altamente complexa, com milhares de pequenos problemas, fora reduzida a uma vida de extrema simplicidade, em que só havia uma tarefa real – chegar ao seu objetivo.

Em todo o mundo, não há desolação mais completa que a da noite polar. É uma volta à Idade do Gelo – sem calor, sem vida, sem movimento. Só quem já passou por isso pode avaliar plenamente o que significa ficar sem o sol dias e semanas a fio. Poucos homens desacostumados são capazes de combater os efeitos dessa provação, e ela já levou muitas pessoas à loucura.

O trabalho de transferir a carga para os trenós continuou no dia seguinte, e no meio da tarde Shackleton reuniu todos os homens no centro do círculo formado pelas barracas. Tinha uma expressão grave. Explicou que era imperativo que o peso fosse reduzido ao mínimo. Cada um, disse, ficaria com as roupas que estava vestindo e mais dois pares de luvas, seis pares de meias, dois pares de botas, um saco de dormir, uma libra [cerca de meio quilo] de tabaco – e duas libras de artigos pessoais. Falando com a máxima convicção, Shackleton afirmou que nada tinha o menor valor se comparado à sobrevivência, e exortou todos a serem impiedosos ao se desfazer de cada grama de peso desnecessário, qualquer que fosse seu valor. Depois de falar, enfiou a mão sob sua parka, tirou uma cigarreira de ouro e vários soberanos de ouro e os atirou na neve a seus pés. Depois, abriu a Bíblia que a rainha Alexandra lhe dera, arrancou a folha de rosto e a página que continha o Salmo 23. Também arrancou a página do Livro de Jó que continha o seguinte versículo: De que seio saiu a geada? E quem gerou o gelo do céu? As águas se endurecem a modo de pedra, E a superfície do abismo se aperta. Depois, atirou a Bíblia na neve e se afastou. Foi um gesto teatral, mas era o que Shacketon pretendia. A partir de seu estudo do destino de expedições passadas, ficara convencido de que aquelas que se sobrecarregaram com equipamentos para se tornarem capazes de enfrentar qualquer contingência tiveram muito mais dificuldades do que as que sacrificaram o equipamento em favor da velocidade.

Worsley, porém, não estava angustiado. Escreveu em seu diário naquela mesma noite: “A rapidez com que conseguimos mudar totalmente nossas ideias… e nos acomodar a um estado de barbarismo é extraordinária.”

Eram náufragos, isolados numa das regiões mais selvagens do planeta, à deriva, sem a menor esperança de resgate, subsistindo apenas enquanto a Providência lhes mandasse o que comer.

A adaptabilidade da criatura humana é tamanha que na verdade às vezes eles precisavam lembrar a si mesmos que estavam vivendo em circunstâncias desesperadas.

Essa autoconfiança inabalável de Shackleton tomava a forma de otimismo. E funcionava de duas maneiras: inflamava as almas de seus homens; como dizia Macklin, simplesmente estar em sua presença era uma experiência. Era isso que fazia de Shackleton um grande líder.

O livro está disponível na Amazon, no link abaixo:

A INCRÍVEL VIAGEM DE SHACKLETON – ALFRED LANSING

41cc3uwglfl._sx331_bo1204203200_

cropped-porco-avatar1

Gosta de ler? Assine o Kindle Unlimited e tenha acesso à milhões de livros por apenas
R$ 1,99 nos três primeiros meses! Ou assine o Amazon Prime e tenha acesso ao Prime Reading, onde pode alugar até 10 livros, revistas ou periódicos simultaneamente!

cropped-porco-avatar1

Para aprender mais sobre imóveis, compre meu livro:

Tijolos – Tudo o que você precisa saber antes de alugar, comprar, vender ou financiar um imóvel

cropped-porco-avatar1

Aprenda sobre educação financeira de forma rápida, clara e objetiva com meu segundo livro:

As três lições: Um pequeno livro sobre educação financeira

cropped-porco-avatar1

Dinheiro é importante, mas não é tudo! Conheça meu terceiro livro:

Vida Rica: Finanças não é só dinheiro

6 comentários em “O melhor livro sobre liderança já escrito

  1. Pois é mas para falar isso vc precisaria ter lido todos os livros sobre o tema disponíveis. Sei lá, pode ser bom sim, mas o melhor já escrito? hummm

    Curtido por 1 pessoa

  2. Já li e também gostei. Um paralelo que eu traço nesses livros de histórias épicas é como a atual geração é afrescalhada. Imagina o vegano, crossfiteiro, dono de um yorkshire e que mora num flat próxima a zona central de uma capital brasileira iria aguentar uma parada dura dessas? Claro que cada época tem uma realidade, mas a fraqueza mental e moral dessa rapaziada de hoje é lamentável.

    Curtido por 1 pessoa

  3. Eu não gostava de ler. E consegui ler uns três mil livros até agora com muito esforço. Perdi muito tempo lendo romances idiotas, mas desenvolveram em mim o prazer de ler. É isso aí

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.