Porque a especulação é uma coisa boa

Sempre que se fala em especulação as pessoas associam a palavra com coisas ruins. Quando se fala em especulação imobiliária então, sai de baixo. Parece que todos os problemas das cidades são culpa dela.

Mas, na verdade, a especulação não só é uma coisa boa, como também é necessária para que o mercado funcione e que as coisas evoluam.

Todo empreendedor é um especulador. Ele faz uma aposta, arriscando seu dinheiro e seu tempo em algo que pode tanto dar bons lucros no futuro, como pode faze-lo perder tudo e ter que recomeçar do zero. Mas são esses “especuladores” que compram matéria-prima, contratam funcionários, alugam lojas e galpões, enfim, que fazem a roda da economia girar. Sem eles, nós estaríamos numa situação bem pior agora.

pexels-photo-279166.jpeg
Imaginem o mundo sem o smartphone

Especuladores também são necessários para que as bolsas de valores possam funcionar. Se não existissem milhões de pessoas apostando diariamente na alta e queda das ações, dispostos a comprar e vender esses papéis, as bolsas simplesmente não existiriam.

airport bank board business

E o que falar da especulação imobiliária então? Foi ela que permitiu que as cidades crescessem, que locais antes degradados e abandonados pudessem ser recuperados. Foi um sem número de especuladores que investiu seu dinheiro na abertura de novos loteamentos, bairros, na construção de edifícios, torcendo para conseguir recuperar seu capital no futuro, e com sorte, conseguir lucrar.

aerial shot of houses

Então, da próxima vez que alguém falar mal de especulação perto de você, pense bem se ela tem razão.

Todos nós somos especuladores em alguma medida.

Para terminar, deixo aqui dois textos que tratam sobre o assunto de forma mais ampla:

Você sabe o que é “especulação imobiliária”?

Concorda? Discorda? Deixe sua opinião nos comentários!

 

Anúncios

Investimento x Especulação

No meu último post sobre moedas, onde expliquei porque elas não são um tipo de investimento, eu falei várias vezes sobre especulação. Então decidi escrever este artigo para aprofundar um pouco mais sobre isso.

blue and yellow graph on stock market monitor

Como dito naquele texto, um investimento é quando você adquire um ativo (um imóvel, uma ação, um título do Tesouro Direto, um título de renda fixa, uma cota de fundo imobiliário), você passa a receber rendimentos simplesmente por possuir aquele ativo. Sendo dono dele, você é remunerado na forma de aluguéis, dividendos, juros, enfim, você ganha dinheiro. Claro que alguns desses ativos tem custos com manutenção, tarifas, impostos, mas em geral é um rendimento previsível e constante.

Já a especulação se resume em uma frase: comprar barato e vender caro. Trata-se basicamente de uma aposta, uma esperança de valorização futura daquele ativo. Você não consegue ter certeza alguma sobre os rendimentos, se receberá alguma coisa, quando vai receber, ou se no fim das contas vai sair no prejuízo. Claro que existem ferramentas e estudos que são utilizados na tentativa de diminuir os riscos, mas não deixa de ser uma aposta.

Seja usando ações, imóveis, carros, discos ou bitcoin, a especulação é uma tentativa de lucrar comprando algo por um valor baixo e revendendo por um valor mais alto.

Especular ou não, eis a questão?

Apesar de ser arriscado, especular não é algo proibido. Você apenas deve tomar alguns cuidados quando resolver fazer isso:

Nunca dê all-inuse para especulação apenas uma pequena parte do seu patrimônio, um valor pequeno que em caso de prejuízo não vai tirar seu sono ou te causar problemas maiores.

Saiba a hora de parar: se você já perdeu todo o capital destinado a especulação, aceite e siga em frente. Aprenda com seu erro. Ficar tentando “empatar” ou recuperar o prejuízo vai te fazer colocar mais dinheiro naquilo, e lógico, perder mais dinheiro também.

Gostou? Concorda? Discorda? Deixe sua opinião nos comentários!

$$$$$$$

LOJA | MENTORIA | BEBLUE | CLUBE VIDA RICA | CANAL NO TELEGRAM